Todo dia é dia de índio

Todo dia é dia de índio

2 minutos Considerar a diversidade de povos na educação infantil nos transporta para as raízes culturais que podem ser bases de importantes aprendizagens. Em nosso país, 19 de abril, no calendário de datas comemorativas escolares é Dia do Índio e é muito comum ainda, as escolas comemorarem a data apenas fantasiando e pintando as crianças. É essa a imagem real dos indígenas que habitam nosso país? Vivenciar a cultura na escola significa também, vivenciar algumas datas que são comemoradas. E isso é muito diferente Continue lendo

Qualificando os cuidados no dia-a-dia e no planejamento

Qualificando os cuidados no dia-a-dia e no planejamento

3 minutos “Como é diferente a imagem do mundo que uma criança recebe quando mãos silenciosas, pacientes, cuidadosas e ainda seguras e resolutas cuidam dela e como diferente o mundo parece ser quando estas mãos são impacientes, rudes, apressadas, inquietas e nervosas.” Emmi Pikler É a interação entre o adulto e a criança que proporciona a aprendizagem da cultura e desenvolve a capacidade de se relacionar,  socializar. Sãos mãos, olhares, gestos, posturas, palavras… O cuidado traz segurança, cria e fortalece vínculos afetivos. E o afeto, Continue lendo

Cantos de brincar

Cantos de brincar

2 minutos Estar com as crianças em grupo, o tempo todo, impede que se conheça as individualidades e aumenta a disputa pela atenção do professor. A meninada fica agitada e ansiosa quando tem que esperar muito tempo a sua vez de brincar, de participar. Mas como fazer quando se tem 20 crianças em uma sala? Organizar “cantinhos” é uma estratégia bastante utilizada na educação infantile e até nos anos iniciais do ensino fundamental. E a ideia não é nova! Froebel, pedagogo alemão foi quem Continue lendo

Construindo olhares individuais

Construindo olhares individuais

2 minutos Entender como acontece o desenvolvimento de cada criança e estar atento a mudanças, avanços e possíveis retrocessos, exige reflexão, olhares atentos e escutas sensíveis por parte do professor. Parece simples falar de observação, olhares e escutas. Mas, na hora de traçar um perfil, de identificar potencialidades e dificuldades em cada um, como fazer? Para enxergar novas possibilidades de avaliação e comunicação de aprendizagens apresento importantes instrumentos que ajudam nessa prática. Vamos começar pelo mais potente instrumento que todos os professores podem utilizar: Continue lendo

Construindo um grupo com a meninada

Construindo um grupo com a meninada

2 minutos Desde o momento que recebemos as crianças iniciamos um processo de construção de um grupo. Isso parece ser simples mas não é tarefa fácil construir um grupo organizado, criativo, cooperativo, motivado, participativo e solidário com a meninada. Tem professor que passa o ano inteiro nessa luta! Por isso,  é traçar o perfil do grupo e investir agora nessa construção! Nessa reflexão, misturo minhas palavras, com um texto que me marcou muito, da mestra Madalena Freire, que nos diz que um grupo se Continue lendo

Cinco momentos que não podem faltar na sua rotina, professor(a)!

Cinco momentos que não podem faltar na sua rotina, professor(a)!

3 minutos A importância da rotina na educação infantil está ligada à capacidade que ela tem de contribuir para que os pequenos sintam-se seguros e estáveis acerca dos espaços e das atividades que serão desenvolvidas na escola. A rotina contribui para ajudar a criança a lidar com as mudanças de ambiente e inserção de outros adultos em seus cuidados. Ela favorece a reorganização do mundo interno da criança e sua relação com o mundo externo, minimizando a angústia e possibilitando novas aprendizagens. Como professor, Continue lendo

Novos olhares para a formação

Novos olhares para a formação

2 minutos Uma colega perguntou porque ainda estudo, já que terminei o mestrado e não trabalho “fichada” em uma escola. A pergunta me causou um desconforto inicial e parei para refletir sobre minha trajetória e sobre as causas do incômodo antes de responder. O fato é que não me lembro de não estudar durante toda minha vida! Não é porque uma pessoa termina a faculdade ou consegue um bom emprego que não precisa mais estudar. Ao contrário! Atualmente, quem não se mantém sabido das Continue lendo

A experiência cultural como aprendizagem

A experiência cultural como aprendizagem

3 minutos Em minhas ações educativas como professora da Educação Infantil e formadora docente, enxergo a experiência cultural como uma oportunidade de aprendizagem. Nesse sentido, sempre busquei favorecer a apropriação de saberes e o desenvolvimento da imaginação a partir de elementos que sejam significativos, que aproximem os alunos de nossa cultura e que possam se constituir em memórias afetivas, cognitivas e/ou simbólicas. Para isso, nada melhor do que experienciar, criticamente, a cultura em seus diferentes aspectos. Mas nem sempre foi assim… No início da Continue lendo

Sobre a adaptação dos Professores da educação infantil

Sobre a adaptação dos Professores da educação infantil

3 minutos Discutimos e pensamos muito sobre a adaptação das crianças na educação infantil. Mas e o professor? Como o(a) professor(a) vive e sente as diferentes adaptações ao longo da carreira? Já pensou nisso? Acredito que o maior desafio de adaptação das professoras, é, sem dúvidas, chegar em seu primeiro dia como Professora! E agora? O que fazer? Como fazer? Cadê o manual? Quem vai me ajudar? Socorro!!! O primeiro dia como professora a gente nunca esquece! Lembro do sentimento de insegurança, de planejar em Continue lendo

Sobre a adaptação das crianças da educação infantil

Sobre a adaptação das crianças da educação infantil

2 minutos Começo de ano letivo sempre traz expectativas para professores e alunos. Na Educação infantil, esse é um momento marcante, principalmente para quem está chegando na escola pela primeira vez. Por isso é preciso um planejamento que tenha como objetivos desenvolver na criança a vontade de permanecer na escola, estimular a criança a brincar, fazer novos amigos e socializar com os adultos, conhecer e explorar espaços, entre outros. Uma sugestão para a adaptação na educação infantil dos bebês e crianças de 1 e Continue lendo